Make your own free website on Tripod.com

FÓRUM CIDADANIA LISBOA

Zonas Oportunidade

Início
Casa e Jardins Daupiás
Cinema Odéon
Ajuda
Alvalade
Avenida da Liberdade
Bairro Azul
Cp. Ourique
Castelo / Encosta Oeste
Graça
Paço Lumiar
Príncipe Real
Propostas várias
Auto-silos
Cine-Teatro Capitólio
Cinema Paris
Salão Nobre
Ambiente, património, mobilidade, etc.
Artigos, petições, etc.
Zonas Oportunidade
Teatro Tália
Proj. Foster / Boavista
Proj. Piano / Braço Prata
Casa A.Garrett
Ficha de inscrição
Será que Lisboa se pode dar ao luxo de perder alguma destas oportunidades?
 
(Autoria: Bernardo Ferreira de Carvalho)

 

Definição:

 

Zonas não urbanizadas ou semi-urbanas com espaços livres e grande potencial de renovação "estilo Expo 98". 

____________________________

Princípios:

 

·     Plano de urbanização destas zonas desenvolvido por inicativa da CML, com recurso a concurso público internacional a gabinetes de arquitectura avaliado por júri de reconhecida competência; 

·     Plano geral concebido de forma a privilegiar a integração com o resto da cidade (fazer  cidade e não fazer uma nova cidade);

·         Zonas mais apetecíveis como as próximas do rio, com vista, devem ser espaços públicos;

·     Plano sustentado numa utilização diversificada (habitação, escritórios, comércio, lazer);

·     Plano deverá privilegiar o transporte público e não poluentes sobre o automóvel;

·     Plano deverá contribuir para a subida de qualidade média da arquitectura em Lisboa

·     Plano deverá sustentar a afirmação de Lisboa no contexto internacional com base no posicionamento de “capital dos oceanos”.

__________________

Zonas de oportunidade:
 
 

·    Zona de Pedrouços (Docapesca): abrir um concurso de ideias para esta zona, procurando um tema para a renovação (ex. Forum das Culturas 2004 em Barcelona, candidatura à Taça América 2010, etc.);

 

·    Zona ribeirinha entre a  Praça do Comércio e o Parque das Nações: abertura de um debate público sobre esta zona, incluindo a CML o Porto de Lisboa, baseado nos estudos realizados  pela CML desde a EXPO' 98 (POZOR);

 

·    Zona de Chelas: debate entre a CML, o governo e a sociedade civil sobre o futuro do projecto “Cidade dos Ministérios”. Desenvolvimento do plano em conjunto com o da zona ribeirinha e projectos já existentes (ex. Braço de Prata);

 

·    Zona do “Vale de Santo António”: debate público sobre projecto da EPUL e a sua articulação com a zona ribeirinha; 

 

·    Zona de Alcântara: confirmação pela CML e governo da implementação do plano Alcântara  XXI e debate público sobre o mesmo;

 

·    Zona ribeirinha ao longo da 24 de Julho: abertura de um debate público sobre esta zona, incluindo a CML o Porto de Lisboa;

 

·        Zona ribeirinha entre o Cais do Sodré a o largo da Casa dos Bicos: estudo sobre a possibilidade de fechar ao transito rodoviário, transformação de parte do edifício do Arsenal em Museu dos Descobrimentos e Lusofonia (por exemplo), e transformação desta zona em local de lazer junto ao rio;

 

·        Zona do actual aeroporto: Debate sobre o futuro desta zona quando o aeroporto mudar para a Ota, garantindo que a sua utilização assentará nos principios acima descritos.